América

Ushuaia. A Terra do Fogo que tem muito gelo

Ushuaia. A Terra do Fogo que tem muito gelo

 

É até engraçado escrever isso, mas é exatamente assim que eu definiria esse lugar lindo chamado Ushuaia, região que fica mais ao sul da Argentina, a apenas 1000 km de distância do continente polar da Antártida. Ficamos 5 dias por lá, hospedados em um dos melhores hotéis de Ushuaia, que se chama Los Cauquenes. Vou escrever um artigo todinho sobre esse hotel, mas preciso dizer que melhor localização, melhor vista e melhor atendimento, não há. Eles são ótimos e tivemos momentos inesquecíveis e maravilhosos neste hotel que é um Resort e também um SPA.

Vou contar tudo que vocês precisam saber sobre o Ushuaia em vários textos. Mas hoje, quero contar algumas curiosidades (e até algumas lendas) que nem imaginávamos que existiam. Começando do porquê de ser chamado Terra do Fogo, ou Tierra del Fuego, um lugar que mesmo no verão, os termômetros não costumam passar de 15 graus Celsius. Bem, é pura história e estudos das populações que primeiramente habitaram a região.

Quando os primeiros exploradores chegaram ao local, já havia um povo nômade que vivia ali por muito tempo. Ushuaia com certeza sempre foi um lugar bem frio e séculos atrás, não existia casacos de polartec, fleece, penas de ganso e toda essa tecnologia que nos ajuda a encarar o frio. Eles andavam nus (peladões mesmo), com poucas vestimentas no máximo. Mas como eles se protegiam contra o frio polar de Ushuaia? Simples. Eles usavam a gordura dos animais que eles caçavam para comer, como protetores térmicos, passando tudo isso em seu corpo. Todos os dias eles evitavam a perda térmica corporal com isso. A gordura era de animais como leões marinhos, baleias, peixes, etc. Eles caçavam e aproveitavam absolutamente tudo dos animais. Para se aquecer ainda mais, eles costumavam fazer fogueiras atrás de arbustos (que ajudavam a reduzir o impacto do vento) para comer e se esquentar.

Os exploradores encontraram muitas fogueiras ao longo do percurso do rio e em várias áreas de Ushuaia. Por conta disso, eles chamaram Ushuaia de Tierra del Fuego. E assim permaneceu até hoje. Uma região linda, com muitas montanhas, glaciares e neve eterna, que se chama Terra do Fogo. É até divertido pensar isso. Mas Ushuaia é encantadora.

Existem diversos passeios para serem feitos por lá, de todos os tipos, para todos os gostos e pessoas. Claro que se você conversar com alguém, irão te dizer que a melhor época para visitar Ushuaia é no verão e primavera. Realmente fica tudo bem lindo por lá e as temperaturas sem mais amenas. No outono temos chuva e se as temperaturas abaixarem, temos neve (que foi o que aconteceu com a gente). Se for no inverno, é bem frio e tem neve todos os dias quase. Aí depende do que você quer fazer lá.

Por exemplo, se quiser visitar a famosa e linda Laguna Esmeralda, o verão é perfeito, pois a trilha (de quase 5km para ir e mais 5km para voltar, com uma altitude de mais de mil metros) estará seca e você não corre o risco de afundar seu pé nas tundras que ficam alagadas nas épocas de chuva. No inverno, é possível fazer, pois tudo fica congelado e o único problema seria ter a roupa ideal para o frio. Nós tentamos fazer essa trilha e visitar a Laguna, mas o clima estava realmente péssimo e começou a chover bastante. Estávamos bem equipados e até com capas de chuvas, mas mesmo com elas, iríamos nos molhar e acima, na Laguna, estava nevado, ou seja, abaixo de zero. Então, iríamos literalmente congelar com a roupa molhada. Então, após 40 minutos de trilha, acabamos desistindo.

Vou contar nos próximos textos como funciona toda a dinâmica dos passeios lá no Ushuaia, o que fazer, onde comer, etc. Fiquem tranquilos. Tem muita coisa para contar e esse lugar é tão lindo e tão imponente, que já queremos voltar para explorar ainda mais. Aliás, estamos de olho em El Calafate também (hehehehe definitivamente a gente não para).

Existe uma lenda lá em Ushuaia que gira em torno da montanha mais linda. A montanha se chama Olivia e parece ter sido esculpida à mão. Quase toda simétrica, tem um cume perfeito que parece aquelas montanhas de embalagem de chocolate suíço, sabe?! Bom, reza a lenda que Olivia era a namorada ou esposa de um índio, que em algum momento o traiu. Ele jogou uma maldição nela, que ela ficasse presa ali, naquela região, para sempre, junto com ele. Hoje ela tem o seu nome na montanha mais linda e mais alta (mais de 1.300 metros de altitude) da região de Ushuaia e também em um rio. Ela causa na vida do índio e ganha tudo isso. Vai entender.

A verdade é que Ushuaia nos surpreendeu demais. Já sabíamos que a região era bem linda e que iríamos nos apaixonar pelas paisagens e histórias do local, mas confesso que tudo foi bem além das nossas expectativas, o que é maravilhosa, não é?! Vou contar nos próximos textos todos os detalhes sobre a região do fim do mundo, chamada Ushuaia, Tierra del Fuego! Fiquem ligados que vem coisa boa por aí.

Tudo lindo, não é?!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*