Europa

O encanto de Basel, na Suíça

O encanto de Basel, na Suíça

 

Basel, ou mais conhecida como Basiléia, é uma cidade que fica na região noroeste da Suíça e é cheia de encantos que só encontrará por lá. Claro que muitas pessoas acham a cidade sem graça e sem vida. Mas acredito que minha empolgação por estar lá devido ao torneio de tênis que fui assistir, unido à estação do ano mais linda (que é o outono), me ajudaram a formar uma visão positiva da cidade.

É a terceira maior cidade da Suíça e naquela região se fala o alemão (não se esqueçam que há pelo menos 4 idiomas em toda o país). Faz fronteira com dois países, a França e a Alemanha. Uma curiosidade que faz parte da história do lugar, é que Nietzsche deu aulas de Filologia (não escrevi errado, que é basicamente o estudo da linguagem em fontes históricas escritas) por 10 anos na Universidade da Basiléia.

A cidade se tornou mundialmente conhecida por ser o berço do maior jogador de tênis de todos os tempos (tá, essa é a minha opinião, mas independente de eu ser uma grande fã dele, os números estão aí para não me deixar mentir) Roger Federer. Todos os anos acontece o torneio ATP 500 de Basel e ele já foi 8 vezes campeão, incluindo o ano passo de 2017. Ele é perfeito, assim como sua cidade natal.

 

O caminho para chegar em Basel, pode ser feito por avião através do EuroAirport Basel-Mulhouse-Freiburg, por trem ou alugando um carro para passear pela Suíça e fazer uma parada bem estratégica na cidade. Ela é pequena e lá existe o famoso tram, que é uma espécie de bonde que nos leva para todos os lugares da cidade.

O rio que corta a cidade se chama Reno e ele passa por vários países, como Alemanha, França e Holanda. Todos os pontos de vista que são enfeitados pelo rio, são lindos. Muitas empresas químicas jogam seu esgoto ali, mas estamos falando de Suíça, então muitas pessoas nadam no rio durante o verão, apesar de sua água gelada. E sim, a água é limpa. Toda a poluição ali jogada, é previamente tratada.

Eu falo de Basel com muito carinho, pois lá eu realizei um dos meus maiores sonhos, que era ver de perto o Roger Federer jogar e ainda saí com um bônus de ter tirado uma selfie com ele, falado com ele, tocado em seu braços e ainda recebido uma resposta e um sorriso. Então falarei da cidade sempre assim, com todo o encantamento.

Mas além de ter sido uma fã louca atrás de ídolo, a cidade me encantou por estar linda na época que eu fui. Era a metade do outono. As vistas de folhas secas mais lindas que vi na vida foram de lá. Eu abria a janela do hostel que fiquei (YMCA Hostel Basel) e dava de cara com todas aquelas cores lindas e bucólicas, fazendo meu dia ainda mais especial.

Aliás, por falar em hostel, esse foi o melhor hostel que já fiquei na vida. Recomendo com mil estrelas. Parecia um hotel, de verdade. Para você ter uma ideia, no café da manhã, eu me entupia de queijo brie com geléia de frutas vermelhas, fora os banheiros limpos, a cama quentinha e confortável. Achei tudo impecável neste hostel, mas acho que isso é um padrão suíço da YMCA.

Confesso que a vida noturna da cidade é quase inexistente, mas dá para fazer alguns programas antes que a cidade morra para valer na noite. Uma boa pedida é comer fondue (estamos falando de Suíça, é obrigatório que tenha fondue na parada) no La Fondue Bacchus, que é super recomendado por todos que conhecem a cidade, inclusive pela autora desse texto.

Se está com vontade de curtir um bar, indico o Eoipso. É um bar e restaurante que se aproxima do nosso conceito de “bares para sair à noite”, com ótima comida e drinks bem elaborados também. Mas se você está num clima mais romântico, indico que vá jantar à luz de velas no jardim do Au Violon. É lindo, lindo, lindo. Tem vistas lindas e certeza que irá gostar muito do clima leve do lugar.

Nos últimos anos, o time de futebol da cidade tem nos surpreendido com seus bons resultados. Quando estiver pela cidade, tente assistir algum jogo da equipe e veja a diferença entre a torcida suíça, quando comparada com a nossa aqui do Brasil. Diversidade é tudo nessa vida.

Enfim, Basel é uma cidade linda e fofa, pelo menos para mim. Mas para tirar essa dúvida e formular sua própria opinião, você precisa ver com seus olhos. Sou completamente apaixonada por todas as cidades Suíças que já visitei. Basel está na lista, com certeza.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*