Bares

Bar Charles Edward, em São Paulo

Bar Charles Edward, em São Paulo

 

Eu sei que antes mesmo de fazer esse texto, já dei uma dica sobre o bar Charles Edward e seu famoso e tradicional baile de carnaval (link ao final do parágrafo). Mas hoje, quero contar com detalhes como foi nossa experiência gastronômica e musical lá no bar mais charmoso de São Paulo. Lembrando que o Bar Charles Edward fica no bairro do Itaim Bibi, coladinho a Avenida JK. Super fácil acesso e ano passado, o bar completou 23 aninhos de existência.

https://viagensdatalita.com.br/baile-de-carnaval-no-charles-edward-em-sao-paulo/

O bar é um velho conhecido das noites paulistanas e tem uma fama de receber sempre pessoas que estão a fim de paquerar e encontrar uma pessoa bacana. O público varia, desde o pessoal de uns 30 e poucos anos, passando por estrangeiros que estão a negócios na cidade, galerinha que sai do trabalho e vai fazer Happy Hour e também, um pessoal mais maduro, até por conta das músicas que tocam lá, tanto com as bandas quanto com o DJ. O Bar Charles Edward é um ponto de encontro para muita gente que já tem um caminho percorrido pela vida, mas ainda tem pique e vontade de se divertir e paquerar.

Falando da decoração do lugar, devo dizer que é de bom gosto. Eu sou apaixonada pelo candelabro que eles possuem no balcão do bar, sempre com muita cera de vela (colorida ou não) derretida. Dá um efeito lindo aquilo lá. O chão é de madeira, palco bem feito e a acústica do local também é bem boa. Dá para a gente escutar as bandas em todos os lugares, sem destruir nossos ouvidos. Tem um deck na parte de fora onde funciona o fumódromo (acho incrível como as pessoas ainda insistem em fumar… enfim). Um detalhe é que eles possuem uma cristaleira que é do ano de 1906. De cair o queixo. O ambiente é muito aconchegante.

Na parte das bandas, confesso que minha banda favorita da noite paulistana toca lá toda quinta-feira. A Rolls Rock, com o melhor do rock e classic rock, eles são feras. Arrasam no show e arrasam no repertório. Mas existem outras bandas bacanas que tocam por lá. De final de semana a agenda é muito concorrida. Artistas solos e bandas se revezam no palco do Bar Charles Edward. E como mencionei acima, a acústica é muito boa.

Na parte dos comes e bebes (que eu sei que é uma das partes que vocês mais querem saber, seus comilões), dá para a gente sair de lá com a lembrança de muita coisa boa. Na parte da gastronomia, já provei várias coisas nas vezes que fui até lá. Lanches, porções, pratos, etc. Porém, confesso que dois pratos são os meus favoritos. Os bolinhos de bacalhau (para quem gosta, precisa provar quando estiver por lá) e aquela panelinha de filé mignon com molhos de mostarda e muito pão para a gente comer junto. Eu adoro esses dois e recomendo super para quem quiser comer quando for ao Bar Charles Edward. Claro que existem muitas outras coisas no cardápio e tudo que eu lembro de ter pedido, era bem feito e muito saboroso. Então acho que não tem muito como errar nos pedidos.

Na parte de drinks e bebidas, já começo dizendo que eles possuem um Clube do Whisky lá. Isso ajuda a atrair aquelas pessoas mais maduras, pois um moleque não vai querer beber whisky. São mais de 60 rótulos de whisky para você escolher. Pode optar por comprar a garrafa e ela fica lá guardada para você tomar toda vez que for até o bar. Existe também um espaço exclusivo para quem pertence ao Clube do Whisky. Então sempre vai ter uma mesa reservada para você.

Na parte dos drinks, existem os clássicos e os autorais da casa. Minha dica é para que você tome quantos puder e quiser. Nessa última vez que fui, provei três drinks. A Gin Tônica, a Moscow Mule e o Kir Royal (hahahahaha sim, fiz uma bela mistura que rendeu uma ressaquinha de leve no dia seguinte). Todos estavam super bem feitos e na medida certa. Existem muitos outros, para todos os gostos. Tenho certeza de que bebida para você não vai faltar.

Resumindo, o Bar Charles Edward para aquelas pessoas que querem ver gente, paquerar, comer bem, beber bem e ainda por cima, escutar música boa a noite toda. Sempre todo mundo alegre, se dando bem e aproveitando a vida. Como podem ver pelas fotos, vale a pena fazer uma visita ao Bar Charles Edward, caso você não conheça ainda. Tenho certeza de que vai adorar e vai querer voltar mais vezes.

Bar Charles Edward

Rua Miriti, sem número (a rua é pequena). Itaim Bibi. São Paulo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*