Guia do Viajante

Alguns bons motivos para se viajar sozinho

Alguns bons motivos para se viajar sozinho

 

Viajar sozinho pelo mundo é uma utopia para muita gente e sonho concretizado para outros. Mas não é para qualquer pessoa, pois hoje em dia as pessoas estão cada vez mais carentes e dependentes de muitas coisas. Viajar sozinho é se libertar de amarras e de sentimentos nocivos à nossa saúde, deixando para trás tudo que tira nosso sono e tranquilidade. Mas acima de tudo, para estar bem somente com você e encarar algo do tipo, é preciso estar em paz consigo mesmo, se amando, se aceitando, sabendo seus defeitos e qualidades.

É lindo quando colocamos nossas asas para bater por aí. A vida de realmente fica mais leve, colorida e linda. É um dos meus segredos de estar sempre sorrindo. Coragem, meu povo. Coragem! Quer ter alguns bons motivos para cair na estrada sozinho? Poderia ficar até amanhã falando sobre isso, mas selecionei os que acho mais fortes e importantes para mudar nossas vidas. Sim, viajar sozinho pode mudar sua vida se você souber aproveitar todas as oportunidades que cruzarem em seu caminho.

 

1- Para você organizar suas ideias internas
Nada melhor do que um silêncio bacana para organizar nossas ideias internas, aqueles dilemas que precisam de um tempo para se resolver. Viajar sozinho, descansar e respirar fora da atmosfera conhecida pode ser a melhor opção para tomar as decisões corretas e acertadas.

2- Se precisa se conhecer melhor
Para se conhecer intimamente, puramente e verdadeiramente, é preciso estar sozinho, com isso a paz interior também brota, da maneira mais natural. Tudo isso é consequência quando se conhece bem. Viajar sozinho é uma ótima oportunidade para acertar os ponteiros do nosso interior, ainda mais se ele estiver meio desajustado.

3- Quando sua rotina está um pé no saco
Esse fato é um ótimo motivo para colocar o pé na estrada, definitivamente. Quebrar a rotina por alguns dias (ou um mês!) é perfeito para dar uma renovada na energia vital. Se sua rotina está terrível e você pode tirar um tempo para sair dela, faça isso sem pensar, mesmo que vá sozinho.

4- Se ver sempre as mesmas coisas não te dá encanto
Mais ou menos o mesmo esquema do cansaço da rotina. Se perdeu o encanto ao que vê a sua volta, está na hora de olhar outras coisas. Nada melhor que viajar sozinho para algum lugar novo e apreciar as paisagens, do jeito que quiser e ao seu tempo.

5- Se acha que precisa aprender a se virar
Viajar sozinho é sempre um desafio, mesmo que você já tenha experiência no assunto, especialmente se está conhecendo um lugar novo. Aprender a se virar, cuidar das suas coisas, resolver os problemas que surgirem, lavar sua roupa, organizar seu tempo e verba de viagem, etc. Viajar sozinho é uma grande oportunidade para amadurecer e crescer como pessoa.

6- Para praticar/aprender um idioma
Também se encaixa na parte “aprender a se virar”. Falar o idioma local (pelo menos o básico) é sempre educado. Claro que o inglês e o espanhol são sempre bem-vindos e essenciais, mas se você viajar para a Rússia, por exemplo, é sempre bom saber o básico. Fuja dos brasileiros, para se forçar a falar e ler no idioma. Se você fala ou arranha alguma língua, aproveite a oportunidade da viagem e solte o verbo. Se estiver sozinho, melhor ainda.

7- Se você não tem companhia para te acompanhar nas viagens
Cansa ficar esperando e se programando para viajar com família, namorado ou amigos. Podemos perder muito tempo esperando por outras pessoas. Logo, que a solução é fazer tudo sozinho. Só existe vantagem, pois você vai fazer tudo do jeito que quiser. E o melhor de tudo, não vai perder seu tempo esperando pela boa vontade de outra pessoa. Seu tempo de viagem é precioso demais.

8- Se precisa se desapegar de coisas materiais
Para viajar sozinho para certos lugares, é necessário ter uma mala leve, a menos que você queira carregar um peso enorme sozinho. Então, se desapegar de itens materiais, é importante para o sucesso de sua viagem. Saiba organizar sua mala e pense o que é essencial dentro dela.

9- Se você é muito dependente de uma pessoa
Nada melhor que aprender a superar o vício de dependência em alguém, viajando sozinho. É praticamente um antídoto, pois você vai ver que o mundo é grande demais para se prender à uma pessoa, principalmente se essa pessoa é nociva à sua saúde.

10- Se você precisa pensar na vida
Viajar sozinho é ter liberdade para fazer o que te der na telha. Seja sentar seu bumbum na areia da praia e ficar ali o dia todo lendo um livro, seja correr uma maratona, ou seja, caminhar o dia todo para conhecer a cidade. Seja lá qual for sua opção, tenha certeza de que vai pensar nas questões de sua vida. Se está sozinho, em um lugar desconhecido, pode ter certeza que é o cenário perfeito para pensar na sua vida. Faça isso com vontade e aproveite cada segundo. Nada melhor do que estar sozinho e livre para pensar o que quiser.

11- Para crescermos como pessoa
E aprender a ser gentil com as pessoas. Temos que aceitar todas as pessoas que passam pelo nosso caminho como belos professores da vida. Isso é uma verdade absoluta. Portanto, crescemos como pessoa quando entendemos isso, quando somos gratos a tudo e todos. Estar sozinho numa jornada, em lugares longe do seu lar, vai te ajudar a perceber o que realmente vale a pena estar na sua e o que pode estar longe.

12- Para ter um tempo somente para realizar suas vontades
Se mimar um pouco nunca é demais. Quando se está sozinho numa viagem, podemos fazer qualquer coisa. Se quiser se dar de presente aquele passeio caro para um lugar incrível, faça. Se quiser ficar na piscina tomando sol o dia todo, faça. Se quiser ficar bêbado no almoço e sair para conhecer a cidade sem rumo, faça. Se quiser beijar alguém no primeiro encontro e nunca mais ver aquela pessoa, faça. (Admito que fiz tudo isso e muito mais hahaha). Faça o que tiver vontade! Você não deve satisfações a ninguém.

13- Aprender a valorizar seu tempo de vida
Aquela história de “temos pouco tempo, a vida é curta”, não é balela. Realmente temos pouco tempo e temos que valorizar cada segundo de vida. Se você morresse hoje, morreria feliz, triste ou arrependido? Eu morreria feliz. Muito! Porque aproveito minha vida com responsabilidade, me respeitando e sendo leve na alma. Estar sozinho nos faz entender que tempo é uma dádiva que deve ser valorizada, pois aquele que passou, não pode voltar.

14- Aquietar o coração e a mente
Para nos conectarmos com nós mesmos e com algo maior (seja o que você acreditar), devemos aquietar a mente e sossegar o coração. Nada melhor do que estar em um lugar longe do que é conhecido em nossa vida, para deixar tudo que pesa para trás e trazermos a atenção toda para dentro. Aquietar-se faz parte da jornada solitária de um viajante.

15- Aprender a amar e respeitar o mundo
Nosso olhar frente ao mundo muda completamente, porque notamos o quanto somos pequenos. É muita grandiosidade, muita coisa maravilhosa que encontramos por aí. Impossível não se apaixonar pelo mundo todo e sua beleza indiscutível. Amar e ser grato por estar ali, apreciando tudo com seus olhos. É demais! E é algo que fica mais fácil de acontecer quando se está sozinho.

16- Superar seus próprios limites vencendo os desafios
A gente sempre pensa que não somos capazes de algo que nunca fizemos e nós mesmo nos limitamos. Pura besteira. Limites foram feitos para serem superados, desafios foram feitos para serem alcançados. Quer sensação mais intensa do que aquele de conquistar algo que queríamos muito? Estar sozinho na estrada já é um desafio por si só. Organizar tudo e vivenciar isso, é parte essencial. Portanto… vá! Mostre sua força e seus dentes para o mundo caindo na estrada.

17- Aprender a contemplar as paisagens pela jornada
Uma das delícias da vida é simplesmente sentar no chão para apreciar uma paisagem maravilhosa, sozinho. Seja uma praia linda, o céu estrelado da vida, uma floresta… Seja o que for. Minha última experiência foi numa praia de Nice, sentada nas pedras com uma garrafa de vinho rosé francês e uma caixa de chocolate belga. Sozinha. Sem hora para ir embora. Apenas eu com meus pensamentos, olhando aquele mar perfeito e sentindo o sol na pele. Maravilhoso.

18- Aprender a se respeitar
Quando estamos sozinhos, o certo é fazer sempre o que gostamos e que queremos, na hora que nos der na telha. Com isso, não nos obrigamos a fazer algo que não queremos. Aprendemos que nos respeitar é importante, entender o que realmente queremos faz parte desse processo. Estar sozinho ajuda muito, pois temos tempo para nos avaliar e nos entender.

19- Conhecer novas pessoas pelo mundo
Uma das coisas mais legais que podemos fazer na vida, é encontrar pessoas queridas e especiais em nossa vida, pelo mundo. Me orgulho em dizer que tenho amigos em todos os continentes. Amo! Cada um deles tem um cantinho reservado em meu coração. Quando viajamos com outras pessoas, as chances de conhecer locais ou outros turistas, cai muito. Então, viajar sozinho é ótimo para isso. Estamos abertos à novas amizades.

20- Aventurar-se pelo mundo é inesquecível
Meus amigos amam escutar minhas histórias de viagens. Tenho muitas e uma melhor que a outra. Isso me faz sorrir, me faz bem lembrar de tantas coisas boas que aconteceram, tantas pessoas que conheci, tantas experiências únicas que jamais esquecerei. Isso só é tão rico em minha memória, porque eu estava sozinha e me aventurei, me joguei no mundo sem medo. E valeu a pena!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.