América

A belíssima estação de esqui de Portillo, no Chile

A belíssima estação de esqui de Portillo, no Chile

 

Existe um lugar lindo chamado Portillo que fica encrustado nas Cordilheiras, a quase 3 mil metros de altura. E esse lugar deve ser visitado uma vez que você estiver na região de Santiago, capital do Chile. Em uma distância de aproximadamente 170km, em uma viagem de mais de 2 horas em uma estrada um tanto quanto perigosa (grande parte do trajeto não tem acostamento e como na região costuma chover e nevar bastante, pode ser perigoso se aventurar nisso por conta própria), chegamos na estação de esqui chamada Portillo, que é bem exclusiva. Podemos visitar o local e apreciar sua beleza, mas para esquiar, precisamos estar hospedados no Hotel Ski Portillo, que é a única coisa que existe por lá em quilômetros.

É possível chegar em Portillo saindo de Santiago ou saindo de Mendoza, que são mais de 100 km a mais e duas horas a mais (tempo que pode aumentar conforme as estradas forem fechadas ou se tiver muitos caminhões na estrada, o que é bem comum). Fui à estação de Portillo com o pessoal da Conexión Chile, agência de turismo de Santiago que tem passeios diários para Portillo, Valle Nevado e outros lugares. Aliás, todos os passeios que fiz no Chile sempre foi com eles. A melhor agência que poderia pensar em ter comigo nessas viagens.

A paisagem é mais ou menos assim. Um hotel que fica a 2800 metros de altura e alguns caminhos de pistas de esqui que chegam a passar dos 3 mil metros de altitude. No meio de tudo isso, encontramos a Laguna del Inca, que fica ali, no meio das cordilheiras, podendo ser apreciada apenas por quem vai visitar Portillo. O Hotel Ski Portillo tem quase 70 anos de idade e tem capacidade para hospedar até 450 pessoas. Em alta temporada, o hotel fica realmente cheio. Pessoas do mundo todo procuram pela neve de Portillo, que é o único lugar da América do Sul que recebeu uma etapa do Campeonato Mundial de Esqui. Tá bom para você? Se você gosta de se arriscar com esquis no pé, vale a pena colocar Portillo no seu radar.

Ainda falando sobre o Hotel Ski Portillo. Eles possuem uma estrutura completa para os hóspedes e também quem visita o local pode conhecer a parte do restaurante do hotel. Mas já adianto que as coisas por ali são bem concorridas. Na parte de fora, eles possuem piscinas externas bem quentes onde os hóspedes podem se divertir e continuar apreciando a vista, caso não queiram mais esquiar. Tem carta de vinhos, bom menu também. E não pense que eles enfiam a faca só pelo fato de serem os únicos ali. Os preços são normais e bem justos. Vale a pena dar uma paradinha por lá quando visitar. Mas o pessoal do Conexión Chile tem uma opção bem local, no caminho de volta de Portillo. Podemos parar em um restaurante super chileno e almoçar um belo prato chileno, caso queiram.

Para chegar em Portillo, como mencionei acima, é necessário dirigir por uma estrada que pode ser bem perigosa, caso o motorista não tenha experiência ou caso seja imprudente. A paisagem vai ficando cada vez mais linda conforme a gente vai subindo e entrando mais e mais no meio das Cordilheiras. Minha sorte é que a agência Conexión Chile possui o melhor motorista de cordilheira do Chile. O Branco foi eleito pelos próprios motoristas como o melhor. E admito que o cara sabe das coisas. São mais de 30 curvas sinuosas para chegar lá e ninguém na minha van passou mal. Nem eu passei mal. Claro que é comum isso, mas confesso que me senti bem segura sabendo que era o Branco que estava de motorista e também por ver de perto como ele guiava. Se você pensa que isso não faz diferença, meu bem, faz toda a diferença.

Resumindo o passeio de Portillo é contemplação, caso você não esteja hospedado no hotel. Mas é uma contemplação especial. O cenário é lindo, a laguna é linda, o hotel é lindo. Vale a pena conhecer Portillo? Vale e muito. Porque talvez lá você encontre temperaturas negativas (por isso que o pessoal do Conexión Chile faz uma parada estratégica na loja de roupas de neve chamada Km0 e podemos alugar as peças certas para não virarmos picolé), porque talvez lá você tenha a sorte de pegar neve caindo. São experiências especiais que o Chile pode nos proporcionar. Então, por que não? Eu recomendo o passeio. É lindo. É uma paisagem preta e branca na vida real, sem efeitos de editores de fotos. Vale a pena.

Conexión Chile te leva à estação de Portillo

www.conexionchile.com.br

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*