Brasil

10 cachoeiras imperdíveis na Chapada Diamantina

10 cachoeiras imperdíveis na Chapada Diamantina

 

Vai ter textão siiimmmm! Isso porque eu ainda resumi em apenas 10 e foi difícil escolher as eleitas para entrarem nessa lista. São tantas quedas maravilhosas lá na Chapada Diamantina que até ficamos perdidos, sem saber por onde começar a viagem. Uma cachoeira mais linda que a outra. Por isso, selecionei apenas 10 delas, que eu considero as mais imperdíveis. Umas mais fáceis para chegar, outras mais complexas, mas todas são lindas e merecem muito a sua visita! Vamos lá!

– Cachoeira do Buracão (Ibicoara)

Localização: Ibicoara, no Parque Natural do Espalhado.

Altura da queda: 85m

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: moderado (por causa da trilha até chegar no cânion que temos que nadar até ela).

Distância em acesso a pé: 3km

Tempo médio: 1h

Atrativos: além de ser linda, ela é imponente entre suas pedras esculpidas pela queda. É necessário um guia local para chegar até ela e colete salva vidas.

– Cachoeira Águas Claras (Vale do Capão)

Localização: No sopé no Morrão, é possível acessá-la através da trilha que passa pelo Vale do Capão.

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: moderado (por causa da trilha)

Distância em acesso a pé: 8km

Tempo médio: 2h

Atrativos: tem uma queda pequena de águas cristalinas e um poço para banho. Perfeito para se refrescar durante a trilha.

– Cachoeira Encantada (Itaetê)

Localização: Itaetê, é possível dormir em casa de moradores.

Altura da queda: 230m

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: avançado.

Distância em acesso a pé: 6km.

Tempo médio: 3h

Atrativos: cânions de mais de 400 metros de altura, animais silvestres e pinturas rupestres nas pedras. Pode ser acessada por cima ou por baixo.

– Cachoeira da Fumaça (Vale do Capão)

Localização: no Vale do Capão.

Altura da queda: quase 400 metros de altura.

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: acesso por cima nível moderado a avançado. Acesso por baixo nível super avançado.

Distância em acesso a pé: por cima 6km sendo 2km de subida. Por baixo, 36km.

Tempo médio: 2h30m por cima. 3 dias por baixo com acampamento.

Atrativos: é a maior cachoeira do Brasil e uma das maiores da América Latina. Vale muito a pena ver essa gigante de perto. Mas é uma das mais complexas para ter seu acesso por baixo.

– Cachoeira da Fumacinha (Ibicoara)

Localização: Ibicoara.

Altura da queda: 100m

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: moderado por cima e avançado por baixo.

Distância em acesso a pé: 8km por cima e 9km por baixo.

Tempo médio: 2h por cima e 4h por baixo.

Atrativos: a trilha tem cânions de 280 metros de altura, poços e cachoeiras menores para banho. Necessário guia local.

– Cachoeira do Herculano (Itaetê)

Localização: também em Itaetê.

Altura da queda: 100m.

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: moderado.

Distância em acesso a pé: 4km.

Tempo médio: 2h.

Atrativos: são 3 cachoeiras por falta de uma. Todas de aproximadamente 100 metros de altura.

– Cachoeira Invernada (Itaetê)

Localização: também em Itaetê.

Altura da queda: 60m

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: moderado.

Distância em acesso a pé: 6km.

Tempo médio: 2h.

Atrativos: a queda fica em meio aos paredões de pedra e na trilha de acesso à ela, existem pinturas rupestres.

– Cachoeira do Poço do Diabo (Lençóis)

Localização: rio Mucugezinho.

Altura da queda: 20 metros de queda.

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: leve.

Distância em acesso a pé: 1,5km.

Tempo médio: máximo de 1h.

Atrativos: é de fácil acesso, tem paisagens lindas e tem vários poços para banho.

– Cachoeira do Mosquito (Lençóis)

Localização: Complexo Turístico Fazenda Santo Antônio.

Altura da queda: aproximadamente 60 metros.

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: leve a moderado.

Distância em acesso a pé: 1,5km.

Tempo médio: 30min.

Atrativos: se chama mosquito porque faz alusão aos pequeninos diamantes (que eles chamam de mosquitos ou mosquitinhos) que eles achavam no local. Tem acesso para cadeirantes.

– Cachoeira da Purificação (Vale do Capão)

Localização: saindo do Povoado do Bomba.

Nível de complexidade em esforço físico para chegar até ela: moderado.

Distância em acesso a pé: 2,5km

Tempo médio: 1h30m

Atrativos: ela é a última cachoeira do passeio, sendo que antes é possível passar pela cachoeira da Angélica, que fica quase 1h antes.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*